O EVANGELHO CHUPA CABRA, CUIDADO COM A TUA SENHA

Por: Armando Taranto Neto

É de causar tristeza e indignação com aquilo que estão transformado o Santo, puro e inefável Evangelho da Graça do Senhor Jesus Cristo.

Recentemente um vídeo constrangedor circulou pela Internet, mostrando um “renomado conferencista” que intermediava um “negócio” espiritual entre Deus e doador de um cartão de crédito. Não quero entrar no mérito da doação, pois abrir mão de bens materiais em prol do Reino é o sinal mais profundo de despossessão e autruísmo que alguém pode demonstrar.

Quero me ater ao mecanismo psicológico, por que não dizer, “Terrorismo Psicológico” utilizado pelo interlocutor.

“- Fulano de tal doou o cartão, mas não doou a senha, aí não vale. Depois vai pedir o milagre para Deus e Deus não vai dar…. Vai dizer que Deus é ruim!”

É o Evangelho “Chupa Cabra!”

Não bastasse utilizarem do texto de Malaquias 3 para enquadrar como “Ladrão” os que não ofertam nas igrejas agora se vêem no direito de agirem como se fossem os procuradores financeiros de Deus na terra.

Seria muito bom se verdadeiramente toda a soma arrecadada nestes eventos fossem direcionadas às nobres causas missionárias, mas a realidade mostra que, a despeito da grande quantia coletada, apenas uma pequena parcela servirá de instrumento amenizador dos sofridos mártires do campo.

Um montante bem generoso é transformado em carros importados, condomínios, resorts, viagens de cruzeiro e tudo o mais que o dinheiro pode comprar para o deleite consumista dos líderes. Alguns deles são verdadeiros latifundiários. Enquanto famílias desbravadoras do Evangelho são mantidas à míngua nos mais distantes rincões.

Embora o Ensino de Jesus esteja em rumo de colisão com a Igreja de Roma, amo aos seus seguidores e peço que o Pai os esclareça com a verdade, mas uma coisa tenho que reconhecer, Bento XVI foi o Papa mais digno que passou pela dita instituição. Percebendo que não poderia controlar e nem domar o clero; e sua dignidade não o faria se dobrar diante do sistema corrupto que se transformara a Igreja a que pertencia, pediu para sair.

Vejo em sua saída um “Flash” de lucidez em direção ao Evangelho de Jesus, que o Senhor o abençoe e salve-o.

Seria de muita valia se nossos líderes “Papais” Convencionais tomassem o mesmo caminho, pedissem para sair e deixassem que o Senhor oxigenasse a Igreja com aqueles que tem compromisso com a Verdade e não estão ajoelhados ao sistema corrupto, político e herético que se entranhou em muitos segmentos da Igreja dita “Evangélica”.

Jesus não precisa da senha do teu cartão de crédito, Ele não age por barganha, esse não é o Evangelho da Bíblia. Ele não quer o que é teu, Ele quer você.

Não se troca dízimo por benção. O verdadeiro crente não precisa ser “lembrado” a cooperar com o Reino; e quando oferta não se limita a “Dízimo”, essa é a porção dos miseráveis, pois entendeu que tudo o que é seu pertence ao Senhor, e tudo estará sempre à disposição do Reino, não 10%, mas 100%.

Doe, oferte, escancare tua dispensa em prol das necessidades do próximo, e das causas da verdadeira “Missão” Evangelizadora da Igreja, essa é a tônica do Evangelho de Jesus. Não por violência, mas por amor.

A obra é do Senhor, se nós não cooperarmos com Sua obra Ele é todo poderoso para enviar recursos de onde não tem. Entretanto, aproveitemos a oportunidade que o Pai nos dá.

Sendo assim, a única Senha, ou o único segredo que Jesus quer ter conhecimento de ti é a confissão de teus pecados e que venhas a recebê-Lo como o teu Único e suficiente Salvador, no mais…… É você com Deus.

“Cada um contribua segundo propôs no seu coração, não com tristeza ou por necessidade; porque Deus ama quem dá com alegria” (2 Co 9.7).

Cuidado com o Evangelho “Chupa Cabra!”

Que o Senhor te abençoe e te faça muito feliz.

Comente!